12_04_2012_18_35_43

Entenda como você também pode estar com as mãos cheias deste plástico.

Acordando mais um dia no paraíso, numa reserva ecológica no litoral fluminense, rumo à praia que nos acostumamos a ver limpinha com águas cristalinas e areia bem branca. Chegando, nos deparamos com a seguinte situação: à beira mar lotada de lixo, trazido pelo mar na noite anterior. MUITO TRISTE!

Acontece que além do lixo lançado diretamente ao mar ou deixado nas praias, nossos oceanos recebem também os lixos das ruas das cidades, uma vez que as águas das chuvas carregam toda a sujeira urbana tendo como fim os rios e posteriormente o mar. As vezes os emissários de esgoto fazem esta função.

Mesmo estando a muitos quilômetros da costa, o lixo, em sua grande maioria formado por objetos e resíduos de plástico (27% só de sacolas de supermercados) mistura-se à vida marinha e navega através de correntes para todos os lados, formando muitas vezes conglomerados nos oceanos, como é o caso do “Lixão do Pacífico”descrito do vídeo abaixo.

Um cenário completamente assustador e terrível, que você pode ajudar a evitar fazendo escolhas de consumo consciente, evitando plástico ao máximo, e se comprometendo com toda força com o processo de reciclagem. Acho que nem vale a pena mencionar aquelas pessoas que jogam lixo pra fora do carro!!! Honestamente amigos, ter este controle é o MÍNIMO nos dias de hoje.

Confiram o vídeo que é bem rápido mas mostra claramente tudo isso, numa matéria do Fantástico.

Depois de 300 metros, recolhemos duas sacolas de lixo, como esta. Além do exercício do consumo sustentável e consciente, não custa nada dar uma forcinha para mudar um cenário que nos desagrada e prejudica tanto, não é?

12_04_2012_18_38_49

Consciência é AQUI E AGORA! Faça a sua parte! Namaste