yoga alem 2

Um praticante de yoga é adepto e disciplinado em qualquer lugar. Ok, nem sempre tão disciplinado assim… rs. Mas adepto sempre! E se você for para Alemanha, não vai deixar de praticar por causa da língua desconhecida ou por causa do frio. (Bobagens!)

Neste post, a aventureira do yoga não fui eu, mas a querida Beatriz Hajnal, colega de arquitetura, companheira de estudos filosóficos, minha aluna e agora, parceira de blog. Bia encarou a nevasca e tudo para se engajar em retiro, aulas e muito mais. Confiram:

Em Berlim, você pode procurar o estúdio Spirit Yoga. O espaço é super bacana, com salas grandes e pé direito alto. Mas é melhor você não se atrasar. As turmas são super cheias, por volta de 50 alunos. Tem tanta gente na sala que os tapetes ficam coladinhos uns nos outros.

yoga alem 9yoga alem 11yoga alem 10

Em Munich, a dica é o Centro de Yoga Sivananda, famoso no Brasil e no mundo. As práticas mais lentas podem não agradar praticantes de Ashtanga. Na aula, muitos pranayamas (exercícios respiratórios) e meditação. Vale a pena experimentar!

Em janeiro você também pode conhecer a ExpoYoga em Munich (em abril rola em Stuttgart), um grande evento com muitos expositores, tudo relacionado ao universo do Yoga.

O Centro Sivananda, presente em várias cidades da Alemanha, oferece a oportunidade de realizar um retiro em Tyrol (nos alpes, entre Alemanha e Áustria). A hospedagem é em um BIO HOTEL, com excelente comida e sequência de práticas super intensa.
(Meditação das 6h – 7h30; yoga das 8h – 10h; café da manhã ( como um Brunch, super completo, vegetariano e vegano) as 10hs; tempo livre até as 14hs. Depois das 14hs – 16hs ensinamentos; das 16h – 18h yoga de novo; 18-19h30 meditação e as 20hs jantar. As 21h, todos mortos na cama !!! ;-) )
Prestem atenção ao frio e à neve no local do retiro, que rolou último inverno.

yoga alem 1yoga alem 4yoga alem 3yoga alem 5yoga alem 6

Além de estar recheada de atrações do Yoga, a Alemanha conta com excelentes supermercados BIO (voltados à sustentabilidade, orgânicos e naturais) e ótimos menus vegetarianos. Em Berlim, não perca o sensacional restaurante Cookies Cream, que lidera o ranking de todos os guias gastronômicos, e é super vegetariano. É um pouco caro (para Berlin, que é uma cidade barata), mas super descolado, com um bar e baladinha no mesmo local. Fantástico!!

Agradecimentos super especiais à querida Bia! Namaste!!!