hidropônicos

Muita gente ainda não sabe a diferença entre o vegetais cultivados em solo e os hidropônicos.

A hidroponia é a ciência de cultivar plantas sem solo, onde as raízes recebem uma solução nutritiva balanceada que contém água e os nutrientes essenciais ao desenvolvimento da planta. Na hidroponia as raízes podem estar suspensas em meio liquido (NFT) ou apoiadas em substrato inerte (areia lavada por exemplo). Mas será que elas são mais saudáveis?

“Essa confusão é constante. A idéia de que hortaliças cultivadas em água são mais saudáveis que as convencionais e seriam tão boas quanto as orgânicas é errada. Na grande maioria das vezes, os cultivos hidropônicos usam muito mais compostos químicos indesejáveis do que os convencionais, imaginem quando comparados aos orgânicos. O que os hidropônicos apresentam de benefício é a menor quantidade de coliformes fecais, mas mesmo assim também apresentam. Por isso é fundamental a higienização com hipoclorito (e não apenas lavagem)das frutas e hortaliças”, explica a nutricionista Raquel Righi.

Ganha-se na produtividade, por não estarem estes vegetais expostos a chuva e vento, mas perde-se em energia. Não só energia elétrica (que também aumenta neste caso).

Para o Ayurveda, a tradiconal medicina indiana, outros alimentos são importantes para as plantas além dos nitratos (que inclusive, em doses erradas, pode se tornar tóxico). Consideramos que a planta tem uma energia vital proveniente do solo, da chuva, do vento, do sol e de todo o seu processo natural de crescimento.
A comparação parecerá drástica mas é bem ilustrativa: Imagine um ser humano que cresceu numa cama, alimentado por tubos com alimentos específicos para mantê-lo vivo. Agora imagine outro ser humano, que cresceu com a experiência dos “pés no chão”, se movendo, interagindo com seu meio, se alimentando de maneira saudável como é próprio da sua natureza. Ambos poderão se tornar adultos. Mas terão a mesma vitalidade??

Prana, Tejas e Ojas, as essências sutis de movimento, transformação e conteúdo respectivamente, devem estar em equilíbrio tanto no corpo humano como em qualquer corpo vivo.

Quando você fizer as escolhas para a sua alimentação, pense de maneira mais ampla e abrace a saúde em todos os níveis. Escolher alimentos orgânicos, plantados em solo, criados com respeito ao meio ambiente, aos produtores e aos consumidores, trará qualidade de vida incomparável a você e a sua família.